[ Resenha ] A Garota Dele - Amor em Jogo # 2

novembro 23, 2016

A única garota que quero é a única que não posso ter. A Garota Dele.
 Em mais um romance Simone Elkeles nos mostra dramas, relacionamentos, drogas e traições. Você seria capaz de tomar remédios para se tornar o melhor da turma? Poderia uma pessoa guardar esse segredo sendo que estragava a vida de outro? Sim, Elkeles abusa do drama e confesso que fiquei esperando algo mais, só que acabou não acontecendo. Confiram a resenha a seguir.
Amor em jogo # 2 
Autora: Simone Elkeles 
Ano: 2016
Páginas: 304
Editora: Globo Alt
SINOPSE: A garota dele é o aguardado spin off de Amor em jogo, de Simone Elkeles. No livro, a autora best-seller explora a história conturbada de amor e de amizade entre Monika e Victor, personagens já apresentados no primeiro livro. Victor Salazar tem má fama no colégio por causa das brigas em que se envolve e por suas notas baixas. À parte as impressões superficiais, Victor tem um bom coração e está sempre tentando proteger as pessoas que ama. Filho de mexicanos, o garoto não tem uma boa relação com o pai e vive com o dilema angustiante de ser apaixonado por Monika, a namorada de seu melhor amigo Trey. Inteligente e educado, Trey parecia ser o par perfeito para Monika, mas assim que o terceiro ano começa, ele deixa o namoro em segundo plano para se dedicar às missões de se tornar o primeiro da classe e vencer o campeonato estadual de futebol. O relacionamento dos dois começa a esfriar e alguns acontecimentos surpreendentes vão aproximar Monika do “bad boy” Victor. Com capítulos intercalados, que narram a história sob a perspectiva ora de Monika ora de Victor, o romance preserva o ritmo de suspense e também a complexidade e os desejos de cada um dos personagens. Assim como em Amor em jogo, Simone Elkeles apresenta uma linguagem descontraída ao mesmo tempo em que constrói um enredo profundo e comovente, no qual discute questões como família, amadurecimento e princípios.
    O que você faria se fosse apaixonado pela namorada de seu melhor amigo? Seria capaz de se declarar ou abrir mão da própria felicidade para que ele possa ter o final feliz? São questões levantadas por Simone em mais um livro publicado pela Globo Alt. Quando recebi o exemplar fiquei pensando se leria ou não, minha cota de romances já tem uma lista enormes, mas não resisti e passei esse na frente de todos os outros.
  As perguntas acima foram de total importância para a continuação do livro, o segundo volume de Amor em Jogo caiu em minhas mãos antes mesmo de ler o primeiro, por isso fiquei um tanto quanto confusa, afinal pelo que ouvi o casal que se formaria aqui já estava junto no primeiro volume e seria a chance de conhecer o começo do relacionamento deles.
“A verdade é que Trey não faz a menor ideia de que sou apaixonado por Monika há anos.”
  Vic é o tipo perfeito de cara errado, aquele que apresenta todos os defeitos que qualquer mãe odiaria ter como genro, mas no fundo ele tem um bom coração, se preocupa com os amigos e com as irmãs, foi ai que me encantei por ele, sua personalidade forte lembra muito a minha, o fato de defender a todos custando o que custar, mesmo que seja reconhecido como mau elemento e todas as críticas que a sociedade faz.
“Às vezes você é temperamental, intenso, passional. Você é verdadeiro. E protetor daqueles de quem gosta. Eu adoro isso e você.”
  Diferente dele, a Monika deixou minha paciência no limite, mesmo mostrando que não era a patricinha que todos achavam seu comportamento era contrario ao que tentava mostrar, a partir do momento que ela viu que a relação com Trey estava desgastada deveria ter terminado não continuado e aceitado as traições e as mentiras, no lugar dela faz tempo teria dado um chute nele, não importando se eram o casal maravilha da escola ou não, mesmo assim ela continuou firme e forte, tendo aquele relacionamento perfeito que nunca existiu.
“Ele costumava ser o cara perfeito.”
   Trey se tornou uma incógnita pra mim, o que seria um triangulo amoroso acabou se perdendo no decorrer do livro, esse personagem que tinha tudo pra conquistar a minha atenção foi deixado pra lá pela autora, o garoto perfeito procurando ainda mais a perfeição, matéria ótima para questões que acabamos ficando sem respostas, em que ponto ele se tornou aquilo para o final? Onde foi parar o garoto que amava a Monika e que era o melhor amigo do Vic, por que tantos segredos e mistérios? Procurei mais, queria mais, ele se foi antes de qualquer explicação, a historia acabou ali e apenas o casal principal entrou em foco.
“Porque amigos fazem isso… se ajudam, mesmo quando isso os machuca.”
    Um livro cheio de perguntas foi o que entendi, ou o que não entendi, Simone quis apresentar o começo do relacionamento desse casal, mas não senti um aprofundamento disso, abusamos do drama e de várias questões que ficaram entaladas na minha garganta para perguntar à própria autora, deixou aquele gosto de quero mais, de saber o que seguiu o relacionamento deles e como superaram juntos o que aconteceu nesta obra, vou precisar ler Amor em Jogo para conferir.

   Enfim, temos uma obra em que deve-se ler antes de Amor em Jogo, pelo menos eu acho assim, afinal a continuação do casal aparece lá e posso te garantir que estou mega curiosa pra ler e claro comentar com vocês aqui. Se teve alguns imprevistos e pontos que não me agradaram, sim, houveram, mas não tirou a essência do livro e também aquela curiosidade pra seguir com a leitura dos livros da Simone, ela sabe muito bem atiçar nossa pulguinha atrás da orelha e deixar assuntos importantes para refletirmos nos livros. 
Xoxo

You Might Also Like

11 Comentários

  1. Oi!
    Não conhecia esse livro ainda e nem o deu antecessor e confesso que é o tipo de romance que tenho evitado ler ultimamente pois já li tantos livros em que o protagonista se apaixona pelo namorada do melhor amigo que esse tema, pra mim, já está desgastado. Admito que eu não leria, ainda mais por ser necessária a leitura do volume anterior pra uma compreensão completa, mas fico contente em saber que apesar dos pontos negativos foi uma boa leitura pra você e que te agradou ao ponto de desejar ler o primeiro livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Eu conheci essa autora através de uma amiga que indicou um livro chamado regras da atração. Nunca encontrei aqui no Brasil. Quando a Globo Alt publicou o livro dela, eu fiquei louca. Mas acho que estou com muitas expectativas e pela sua resenha acho que também me decepcionaria um pouco. Mesmo assim, não desisto, ainda quero ler essa série.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá! Realmente se apaixonar pela namorada do melhor amigo é algo bem complicado de se viver! O enredo me atrai bastante, ainda mais com um personagem forte, que luta pelos outros. Que chato a personagem ter te tirado a paciência e o exagero de drama na histórias, mas que bom que os pontos que não te agradaram não atrapalharam a leitura.
    Beijos!
    Karla Samira
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. OOi!
    confesso que o livro não me atraiu. Há a curiosidade em relação a o que ele vai fazer com esse sentimento pela namorada do melhor amigo, mas não chamou minha atenção o bastante.
    Parabéns pela resenha ótima e sincera!
    beijoos!

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem?
    Mesmo gostando de livros de romance YA, esse foi um livro que entrou e saiu da minha lista de leituras, pois quase o comprei um dia e logo em seguida eu desisti, a capa me encantou mas a premissa não me convenceu. Sinto que assim como você não iria gostar da protagonista, não acho que conseguiria me conectar a ela. Eu confesso que fiquei um pouco em dúvida com relação a ordem dos livros também. Enfim, no momento não é uma leitura que me atrai.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?
    Obrigada por indicar o livro da minha vida ahaha ♥ Esse é o tipo de leitura que amo, a capa, a premissa e sua resenha arrebataram o meu pobre coração.
    Está anotadíssimo!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bem?
    Fiquei bem curiosa em saber como que ele ira agir sobre este sentimento pela namorada do amigo.
    no mais o livro não me atraiu a ponto de comprara não.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem?
    Não conhecia o livro e nem o anterior, mas fiquei bem curiosa. Como assim ele se apaixona pela namorada do melhor amigo? E agora, o que ele vai fazer? Vai tentar apagar o sentimento ou vai falar com ela? E a amizade como vai ficar? Vou procurar o livro pra ler urgente pois gosto desses assuntos meio polêmicos.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia esse livro ainda e sua resenha mostrou pontos dele que provavelmente me incomodariam durante a leitura... Tenho evitado livros que empurram respostas e soluções para outros volumes, e parece que é o caso aqui, além de uma das personagens ser bem chatinha e o outro sair depressa demais da narrativa. Pareceu que a autora não soube manejar a história direito :/

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  10. Espera que acho que me confundi aqui... esse é o livro 2, mas é melhor ler ele antes do primeiro? É isso? Que estranho....rs
    Não li nenhum dos dois, mas fico curiosa com as duas histórias - até pq se complementam né?
    Acho essa coisa de gostar da namorada do amigo meio ruim, mas parece que a escrita vale a pena, então está na lista :)
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
  11. Oi.

    Estava mesmo pensando em ler esse livro. Ano passado quase comprei o e-book dele, mas acebei desistindo. Vou tentar comprar de novo esse no e ler quando tiver mais tempo sobrando.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Popular Posts

Blogs Brasil

Editoras

Flickr Images

FOLLOW @SECRETMAGICBLOG

Subscribe