[ Resenha ] Xeque-Mate .

janeiro 29, 2017

Tente Bloquear o amor e ele se revelará seu maior adversário.

  Sim, vamos começar o ano com um new-adult que acabei pegando de gaiato para ler em uma noite de insonia, pois é, a preguiça de ligar a luz e pegar um livro da estante ao lado foi maior e o meu celular estava a mais curta distância, por isso, entre tanto achei Xeque-Mate e não parei até terminar.


XEQUE-MATE
Livro: XEQUE-MATE 
Subtitulo: Tente Bloquear o amor e ele se revelará seu maior adversário. 
Autora: Dill Ferreira
Ano: 2014
Páginas: 316
Editora: Modo
SINOPSE: Depois de conhecer o belo e misterioso Marcus, no badalado Carnaval carioca, e ser abandonada por ele, Thaissa retoma sua rotina carregada de boas lembranças e um desejo intenso de algo que ficara inacabado e a atormentava constantemente. Enquanto tentava, sem sucesso, esquecer-se das carícias e dos beijos que partilharam surge a sua frente o novo sócio da empresa de seu pai. E ele é nada mais nada menos que Marcus, o homem que tumultuava seus pensamentos. Começará aí um jogo de paixão, luxúria, mágoa e intrigas. Em que o destino, usando de suas artimanhas, lhes colocará frente a frente para o confronto final. Onde vencerão juntos, ou ambos sairão perdedores. Quem será o grande vencedor nesse jogo de amor?
  2017 é um ano de recomeços, no ano passado tive muitas decepções com esse gênero literário, muita repetição em livros me deixou extremamente exausta para uma nova aventura hot. 
  Quando peguei o Kindle achei o primeiro que estava a tempos lá, Xeque-Mate é um new-adult que conta a história de dois executivos que se encontram em um Carnaval do Rio de Janeiro. Acendendo o fogo de ambos nada se concretiza naquela noite e ambos voltam a sua vida normal e Thaissa volta para Goiânia preparando projetos da empresa Fênix em que seu pai é dono e socio majoritário, para sua surpresa encontra novamente com Marcus agora um novo acionista que decide participar de forma ativa na empresa, sendo auxiliado por Thaissa.


  Mas nem tudo são flores, o provável relacionamento desanda quando por um comportamento machista, Marcus taxa a morena como uma mulher fácil e sem profissionalismo, o que me afetou no livro foi exatamente esse ponto, a forma como o personagem age tendo um pré-conceito com Thaissa fez com que minha paciência fosse acabando aos poucos, por uma diversão em seu momento de lazer ela é taxada e julgada por um comportamento que confesso que também faria, afinal nunca mais iria ver o estranho e qual não teria em ter uma noite de loucura? Isso não a qualifica como vagabunda e muito menos como não tendo profissionalismo no trabalho, onde já se viu pegar no pé da garota por causa disso? Além de ser machista tem um comportamento também obsessivo, que vendo-a com um possível relacionamento acha que tem poder e manda nela, gente pensa na situação, chantagem de sexo para mostrar que ela teria que ficar com ele, acredita nisso? Sim. O relacionamento é baseado em discussões, julgamentos e sexo, mesmo tendo essa capa mais do que explícita, o livro não aborda tanto a parte new-adult, mas sim os conflitos e o comportamento infantil de ambos os personagens.


 A protagonista tem uma cisma com a antiga amante do pai, agora acionista da empresa e ambas trabalham juntas, essa é a parte interessante do livro, os diálogos de ambas mostram duas formas de pensar de mulheres completamente diferentes, em algumas dessas conversas me identifiquei com Letícia a ex-madrasta e em outros a Thaissa me mostrou certas coisas, mas ambas tem razão em algum ponto, por isso não julguei tanto a Letícia por entender o pensamento que ela tem, cada um tem a sua forma de vida e a dela é diferente dos outros. 
   Tirando esse ponto o livro teve muita repetição, machismo do cara querer mandar mais e o fato de ser muito rápido, o final deixou a desejar já que uma outra trama foi posta no enredo e que renderia um clímax melhor do que a finalização que se deu.
   Em suma, não foi um bom livro, mas não vou me deixar abalar por uma primeira leitura regular sendo que muitos livros desse gênero iriam me agradar mais.
Xoxo

You Might Also Like

10 Comentários

  1. Aaai que chato esse lance machista no livro, me da ojeriza de títulos assim... Nao curto ler pelo celular, fica cansativo pta mim, ainda mais New adult, que é um gênero que não me desce... Vou passar a dica...
    Bjs...

    ResponderExcluir
  2. Olá tudo bem?
    Poxa é uma pena que não foi uma leitura produtiva, eu também não gosto quando o livro fica se repetindo muitas vezes e acaba realmente ficando cansativo. Eu não gosto muito de ler pelo celular, em geral prefiro sempre os físicos, mas quando não tem jeito eu leio mesmo assim. New Adult é um gênero que tenho lido recentemente e ainda não decidi se gosto ou se não gosto então dessa vez vou deixar a dica passar.

    beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu as vezes pego pra ler, dá a louca e fico a madrugada lendo, mas a vista fica horrível depois. Bem tem New Adult legais, mas outros nem tanto, acho que a fórmula acaba se repetindo de mais.
      Xoxo

      Excluir
  3. Oi Kamylla
    eu li esse livro tem um tempo, achei a escrita da autora fácil e rápida, mas me incomodou justamente esse ponto de vista machista na obra e olha que na época eu nem tava tão propensa a problematizar as coisas quanto agora, mas mais ainda do que isso o que me incomodou bastante foram os erros de revisão, juro que me atrapalhava ficar corrigindo mentalmente.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kris, pois é menina, eu fiquei meio puta ao ler as frases e comentários machistas do protagonista, ele não foi bem digerido por assim dizer, acredito que os próximos livros que vou pegar pra ler estejam melhores em conteúdo e claro revisão.
      Xoxo

      Excluir
  4. Oii
    Olha, já ouvi falar desse livro, e sempre foi de forma regular assim como sua opinião. Ah um tempo eu deixei de gostar desse gênero, pelo excesso de cenas de sexo que a maioria tem. Uma pena. Mas não desanime, a proxima leitura a de compensar rs
    Bjuss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim espero Andréa, eles usam sempre a mesma coisa e fica cansativo como tu mesma diz, acredito que bem poucos irão realmente merecer 3 estrelas, até lá todas levam apenas 2 ou 1.
      Xoxo

      Excluir
  5. Oi.

    Também sou dessas, pego para ler o que estiver mais perto, e o celular me ajuda muito nessas horas. Ainda não conhecia esse livro. Só de olhar a capa, vi que faz meu estilo de leituras. Vou anotar a dica e procurar depois o livro para ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A insônia me perturba e nada mais justo do que iniciar uma leitura. Bem pra mim o livro não rolou direito, mas vai que pra ti faz o gosto, espero que tenha uma boa leitura flor, apesar dos pesares é um livro bem hot.
      Xoxo

      Excluir

Popular Posts

Blogs Brasil

Editoras

Flickr Images

FOLLOW @SECRETMAGICBLOG

Subscribe